ADMINISTRAÇÃO DE CÁLCIO E CALCITRIOL (VITAMINA D3) APÓS RETIRADA CIRÚRGICA DA TIREÓIDE PREVINE HIPOCALCEMIA PÓS OPERATÓRIA

A retirada cirúrgica da tiróide (tiroidectomia) traz como complicação freqüente níveis de cálcio baixos no sangue do paciente operado, em geral nos primeiro e segundo dias do pós operatório. Isto acontece porque atrás da glândula tireóide temos quatro pequenas glândulas do tamanho de um grão de feijão - as paratiróides.

A função das paratiróides é manter os níveis de cálcio dentro do normal no sangue. Durante a cirurgia da tiróide, as paratiróides são muito manipuladas e por isto, ficam "adormecidas" (não funcionam bem) por alguns dias após a cirurgia.

A conseqüência disto é a queda de cálcio no sangue (hipocalcemia). A hipocalcemia traz desconfortos ao paciente, principalmente sensação de formigamento pelo corpo. Se o paciente tomar 2g de cálcio por dia (com ou sem 0,5 mg de calcitriol junto), do pós operatório até uma semana após a cirurgia, evita-se hipocalcemia na maioria dos pacientes.

Fonte: Quintessence in Thyroidology - jan 2004 BRAHMS, Alemanha

0 tireóides "falaram":

Seguidores

Live Traffic Feed